Os cuidados necessários na primeira dentição

postado em: Porto Sorriso | 0

 

primeira-denticao

Quando os bebês chegam aos seis meses é normal começar a aparecer os primeiros dentinhos de leite. Eles seguem nascendo até por volta dos dois a três anos, que é quando, geralmente, completa-se a primeira dentição. Porém, a odontopediatra do site Baby Center, Cristiane Allegretti, explica que esse tempo varia de criança para criança e não há motivos para se preocupar se demorar um pouco mais. Mas, caso não haja sinal de nenhum dente até um ano e meio, é hora de levá-lo a um especialista para checar se está tudo bem.

 

Para a mamãe, o mais difícil é lidar com a irritabilidade do bebê durante essa fase. A gengiva dói e coça e a criança tentará levar tudo para a boca para aliviar essa sensação. “Alimentos mais consistentes como a cenoura e a maçã ajudam nesse processo, mas as mamães devem ficar atentas para que os bebês não se engasgem”, orienta Cristiane.

 

Os mordedores, de preferência os que podem ser colocados na geladeira, pois o gelado ajuda no alívio do desconforto, também são aconselhados pelos especialistas. Já a respeito de pomadas e outros medicamentos, Cristiane alerta: “As mamães devem tomar cuidado com as pomadas a base de xilocaína, pois são deglutidas pelo seu bebê e têm contraindicações”. As fórmulas homeopáticas, tanto para dor quanto para irritação do bebê, podem trazer bons resultados e alívio aos filhos e às mamães.

 

Higiene bucal

crianca_sorrindo_3

Uma questão que deve ser levada muito a sério desde bebê é a higiene bucal. Cristiane recomenda começar a limpeza da boca apenas quando nascer o primeiro dente. Ela indica a escova específica para bebês, extra macia e com a cabeça bem pequena. “A escova adequada e usada corretamente nunca irá machucar o bebê”, afirma.

 

Em relação ao creme dental, o ideal é o odontopediatra avaliar os hábitos alimentares da criança para indicar o creme dental especifico. “Bebês com alto risco de cárie já podem usar uma pequena quantidade de creme dental com flúor em algumas escovações diárias”, indica Cristiane.

 

Deixe uma resposta